Nigéria e África do Sul enfrentam uma epidemia de phishing

0
598

A Nigéria e a África do Sul encontram-se a enfrentar uma epidemia de phishing nos serviços de pagamentos digitais. De acordo com a pesquisa Kaspersky Digital Payment, 35% dos entrevistados na África do Sul enfrentaram golpes de phishing ao usar serviços bancários online ou carteira móvel. 43% encontraram pessoalmente sites falsos e 59% sofreram golpes (por meio de mensagens de texto ou chamadas) usando engenharia social.

A mesma pesquisa avança que, cerca de 61% dos entrevistados na Nigéria disseram que enfrentaram golpes de phishing ao usar serviços bancários online ou carteira móvel. E 67% encontraram pessoalmente sites falsos e 82% sofreram golpes.

Quando questionados sobre a conscientização das ameaças contra os métodos de pagamento digital, a maioria dos entrevistados na África do Sul relataram estar ciente dos ataques de phishing financeiro (94%) e dos golpes online (95%).

E cerca de 78% afirmaram que são informados sobre malware bancário em PCs e em dispositivos móveis. Enquanto que, a maioria dos entrevistados na Nigéria relataram que estão cientes dos ataques de phishing financeiro (95%) e dos golpes online (97%).

No entanto, 98% dos entrevistados nos dois países acham que os bancos e empresas de pagamento deveriam educar mais os usuários sobre as ameaças online. Quando se trata de uma lista de recursos de segurança que os consumidores gostariam de ver mais em aplicativos bancários e carteiras móveis existentes, de acordo com os resultados da pesquisa, aqui está o que mais importa para eles:

  • A implementação de senhas de uso único (OTPs) via SMS para cada transação (76%)
  • Recursos de segurança biométrica, como reconhecimento facial ou de impressão digital (75%)
  • Detecção e intervenção automatizadas para transações fraudulentas (58%)
  • Exigir autenticação de dois factores (51%)
  • Criptografia ponto a ponto (22%)

MAIS: LinkedIn continua a ser a marca mais utilizada em tentativas de Phishing

Para ajudar os usuários a adoptar as tecnologias de pagamento digital com segurança, os especialistas da Kaspersky sugerem o seguinte:

  • Não partilhe o seu PIN, senha ou qualquer outra informação financeira com ninguém online ou offline.
  • Evite usar Wi-Fi público para fazer transações online.
  • Use um cartão de crédito ou débito separado para fazer transações online. Defina um limite de gastos no cartão que pode ajudar a acompanhar as transações financeiras.
  • Compre em sites confiáveis ​​e oficiais.
  • Use uma solução de segurança confiável, como o Kaspersky Total Security, em todos os seus dispositivos ​​para transações financeiras. Ele ajuda a detectar actividades fraudulentas ou suspeitas e verificar a segurança dos sites visitados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui