África Subsaariana regista crescimento de 55% nos downloads de aplicativos

1
3184

África subsaariana registou um aumento de 55% no número total de aplicativos baixados durante 2020 em relação a 2019, superior ao aumento global de 33% no mesmo período. Isso é de acordo com dados divulgados pela AppsFlyer, uma plataforma de análise e atribuição de marketing móvel, que analisou mais de 48 bilhões de instalações de mais de 30 mil aplicativos, com um mínimo de 5 mil instalações por mês.A pandemia global COVID-19 foi um dos principais impulsionadores desse aumento, já que mais pessoas do que nunca foram forçadas a estar nos seus dispositivos móveis este ano, com aplicativos que permitiram aos usuários fazer compras, jogar, manter a forma, acessae as redes socais, e mostrando-se vitais durante o período prolongado do bloqueio.

A análise de marketing móvel da AppsFlyer forneceu dados cruciais para os profissionais de marketing de aplicativos em todo o mundo. Segue um resumo das principais tendências:

Na África Subsaariana, as principais tendências de aplicativos ao longo de 2020 incluem:

  • África do Sul registou um crescimento de 93% nas compras das apps entre abril e maio de 2020. Isso se compara a um aumento de 43% entre setembro e novembro de 2019
  • A Nigéria viu um aumento de 57% nas instalações de aplicativos orgânicos (e um salto de 44% nas instalações de aplicativos não orgânicos) em 2020.
  • O número médio de compras por usuário na África do Sul em aplicativos de varejo em geral aumentou cerca de 20% entre março e abril
  • Uma análise de 27 bilhões de instalações de aplicativos em 495 redes de mídia e 14 mil aplicativos revelou que o Google era a melhor plataforma para impulsionar o desempenho dos profissionais de marketing de aplicativos em África, enquanto o Facebook era a melhor plataforma para remarketing em toda a África e oriente médio.
  • Uma quebra de plataforma mostrou que o Google dominou o Android graças ao seu salto em países em desenvolvimento onde o sistema operacional domina, enquanto o Facebook controla grande parte do iOS.

2020 foi um ano desafiador globalmente para todas as empresas, mas com mais usuários a buscar realizar inúmeras actividades nos seus dispositivos móveis, os profissionais de marketing precisam conhecer os consumidores onde estão para impulsionar as vendas e imitar a experiência presencial à medida que algumas actividades físicas se tornam cada vez mais experiências digitais.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here