Foste feito para o cinema e TV? O MultiChoice Talent Factory está a sua espera

940

A MultiChoice, líder em África no serviço de televisão por satélite, anunciou recentemente as candidaturas para a 5° edição do MultiChoice Talent Factory (MTF), o seu programa de formação em cinema e televisão de classe mundial que arranca em Outubro deste ano.

Segundo o comunicado de imprensa, na qual a redacção da MenosFios teve acesso, para a turma de 2022 a MultiChoice está a procura de 60 aspirantes a criadores de conteúdo de cinema e TV da África Austral, África Ocidental e África Oriental para o seu programa totalmente financiado pela empresa, com uma durabilidade de 12 meses.

As candidaturas estão aberta a todos os cineastas emergentes com alguma experiência na indústria ou qualificação pós-escolar relevante, para se candidatarem a esta excelente oportunidade de melhorar as suas competências de produção de televisão e cinema. O MTF é um programa que combina estudos de cinema, como direcção, design de som, o negócio do cinema, para citar alguns, com experiência no local de trabalho nas principais produções da M-Net.

Nessa edição de 2022, o MTF terá direcção de três novos directores de academia M-Net, nomeadamente Atinuke Babatunde (central da África Ocidental), Victoria Goro (central da África Oriental) e Christopher Puta (central da África Austral).

“Esta não poderia ser uma oportunidade mais emocionante para os criadores de conteúdo de cinema e TV africanos, afirmou a directora da Academia da África Ocidental, Atinuke Babatunde, citado na nota oficial.

MAIS: Combate a pirataria é destaque em Webinar organizado pela MultiChoice

O renomado director frisou ainda que “há tantas histórias no nosso continente que necessitam de ser contadas e documentadas com competência e paixão que apenas um programa como o da MTF Academy pode formar jovens para fazê-lo. Mal posso esperar para fazer parte desta jornada,”.

Por outro lado, a directora da Academia Oriental Victoria Goro liderará a Central da África Oriental da MTF, onde trás no seu currículo 31 anos de experiência em produção cinematográfica e como uma das especialistas em produção de documentários mais procuradas no Quénia.

“Como alguém apaixonado por formação e partilha de conhecimento, não há nada que possa igualar o nível de conhecimento e experiência prática que a Turma de 2023 irá obter. O facto do programa MTF resultar também na criação de empresas de produção por ex-alunos após a graduação, prosperando desse modo no auto-emprego, diz tudo o que necessita saber sobre o sucesso deste programa,” revelou Goro em comunicado.

O MultiChoice Talent Factory vem como uma forma da MultiChoice Africa mostrar que está empenhada em construir e sustentar o canal de formação para o emprego na indústria cinematográfica e televisiva de África, e onde essa iniciativa visa uma divisão 60/40 a favor das mulheres desde o seu início.

De acordo ainda com a MultiChoice Africa, além da formação prática que todos os alunos receberão como parte do programa, receberão ainda uma experiência melhorada de formação por parte das parcerias da Academia, que incluem a New York Film Academy (NYFA), a Henley Business School, a Dolby e a Canon, entre outros.

As candidaturas estarão abertas a partir de segunda-feira, 9 de Maio e terminam na sexta-feira, 3 de Junho de 2022, e podes fazer a tua clicando em aqui.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui