Africell investe 300 milhões USD em tecnologia para arranque de operações

0
2723

O grupo de capital norte-americano, mas gerido a partir de Londres, Reino Unido, promete começar as operações em Angola ainda este ano, garantia dada pelo director executivo da Africell.

Para isso, a quarta operadora de telefonia móvel investiu 300 milhões USD em tecnologia, que irá permitir o início das actividades em Dezembro, garantiu Christopher Lundh, no mês passado, no final da audiência que teve em Luanda com o Presidente da República, João Lourenço.

Numa primeira fase, a empresa espera criar 400 postos de trabalho directo e 100 indirectos. Números que irão crescer com a expansão da rede pelo País e que poderão chegar aos 6.500 postos de trabalho directos em 5 anos de actividade.

“O projecto vai igualmente permitir maior cobertura de rede e acesso aos serviços de comunicação electrónica, o que possibilitará absorver novos segmentos do mercado, sobretudo nas zonas rurais”, garante o ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, Manuel Homem.

A relação custo-benefício será uma componente importante da estratégia da Africell para o mercado angolano, procurando chegar a utilizadores que ainda não estejam a usar serviços “premium”, com planos de preços e aparelhos mais sofisticados, mas de custo mais acessível.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here