Angola Cables ganha Certificação Tier III para o seu cabo submarinos no Brasil

1413

A estação da Angola Cables em Fortaleza, Brasil, recebeu a Certificação Tier III pelo Uptime Institute.  A certificação reconhece a eficiência operacional da infraestrutura e instalações construídas em dezembro de 2018.

A construção da estação começou no início de 2017. A infraestrutura foi construída para acomodar o Monet, o sistema internacional de cabos de telecomunicações submarinos que conecta os EUA, à Fortaleza e Santos, no Brasil. A construção da instalação resultou da necessidade de ter uma estação totalmente funcional, agora certificada.

Esta é a primeira vez que uma instalação Tier III foi construída na região para suportar um cabo submarino e seu backhaul, reduzindo pontos de falha e garante a disponibilidade de tempo de operação sustentada.

António Nunes, CEO da Angola Cables, disse que certificações como a concedida à Estação de Aterragem MONET pelo Uptime Institute coloca as nossas infraestruturas num nível de excelência e qualidade de serviço ao cliente de que nos podemos orgulhar. Também nos dá garantias qualificadas de que estamos um passo mais perto de concretizar a nossa ambições de fornecer Data Centers de missão crítica que atrairão empresas digitais que buscam conexões de baixa latência com maior capacidade de transmissão de dados e armazenamento de dados- tudo isso dentro de um ambiente confiável e altamente estável.