Angola terá uma plataforma de concessão de visto online.

730

O ministro do Interior Ângelo Veiga Tavares, defendeu esta sexta a implementação de uma plataforma que permita a concessão de visto online, e um sistema avançado de identificação de passageiros, num momento em que o país começa a implementar acordos com a África do Sul e Moçambique para isenção de vistos em passaportes ordinários.

O governante fez este pronunciamento durante o seu discurso de abertura do “XVI Conselho Consultivo Alargado do Serviço de Migração e Estrangeiros” (SME), que se realiza precisamente no dia em que começa a vigorar o regime de isenção recíproca de vistos para os cidadãos sul-africanos e moçambicanos.

Segundo Ângelo Veiga Tavares, a criação de uma plataforma que permita a concessão de visto online é um mecanismo que deve ser tratado com celeridade. Considerou importante a implementação com urgência do sistema avançado de identificação de passageiros, que implica o envio às autoridades de listas de passageiros por parte das transportadoras aéreas, para que estas aberturas que estão agora a ser feitas possam ter também o devido controlo.

É importante que o país começa a implementar as ferramentas das novas tecnologias de informação e comunicação, porque são ferramentas que ajudam e criam facilidades para população. A plataforma de concessão de visto online será bastante vantajosa para o país.

Hoje já é possível realizamos diversas actividades através das plataformas digitais, e com abertura do mercado de telecomunicações no país, o número da poplução que estará ligado às plataformas digitais irá aumentar.