Banco BAI vai implementar várias estratégias de cibersegurança para mitigar ciberataques

1866

O Banco Angolano de Investimento (BAI) vai implementar várias estratégias abrangentes de cibersegurança para mitigar os riscos associados aos ciberataques que tem sofrido, nos últimos tempos.

A informação foi revelada por Mário Barber, Presidente do Conselho de Administração do BAI, falando na 17.edição do Banca em Análise, estudo que se tem assumido como uma das principais iniciativas da Deloitte Angola, reiterando que a instituição bancária “tem um programa de comunicação e esclarecimento público permanente, o Rotas BAI, para aumentar as informações e conhecimentos disponíveis sobre como nos devemos proteger destas tentativas de ataques e aumentar a literacia financeira no geral“.

O responsável frisa ainda que o BAI tem investido significativamente em tecnologias avançadas de segurança visando proteger todo o ciclo de vida das informações, e assegurando a proteção de dados em todos os níveis com base nas existências legais e melhores práticas.

Enfatizamos o treino contínuo das nossas equipas de especialistas, sendo parte fundamental no processo de operações e controlo da segurança de informação do Banco“, esclareceu.

MAIS: Crimes cibernéticos custaram mais de um bilião de kwanzas aos angolanos em dois anos

O PCA reitera também que o BAI tem realizado avaliações e testes periódicos para identificar vulnerabilidades, que têm merecido medidas corretivas e proativas para um processo de melhoria contínua.

Estas medidas têm sido fundamentais para minimizar o impacto de eventuais ciberataques e prevenir os danos reputacionais“, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui