Conheça a vencedora da 5ª edição do Seedstars Luanda

1104

Este ano o Seedstars Luanda teve um crescimento no número de participantes, saindo de 51 candidaturas em 2018 para 89 candidaturas em 2019. Foram seleccionadas inicialmente 30 startups e, depois do bootcamp, foram encontradas as 10 finalistas.

Cláudia Makadristo (Directora regional do Seedstars) falou sobre a evolução do evento em Angola, estando agora na 5ª edição.
Focou também nas vantagens de participar no evento e as histórias de sucesso em Angola, com a possibilidade de empreendedores apresentarem as suas ideias diante de investidores, podendo ganhar até 500 mil Doláres em investimentos no evento global, na Suíça.

Em seguida, foram apresentados os parceiros, com destaque para Joel Epalanga, Director do KiandaHub e os principais patrocinadores, Banco Millenium Atlântico e Unitel.

JÚRI DO EVENTO

Dizando Norton foi introduzido como Mestre de Cerimónia do evento e deu início ao primeiro painel do evento.

Painel 1 – “The year of she”

  • Carolina Barros (Ontime)
  • Eunice de Carvalho (Unitel)
  • Lisa Videira (Academia Nzoji)
  • Odyle Cardoso (Banco Millenium Atlântico)
  • Vanda de Oliveira (Bantumakers)

De entre os tópicos de destaque, as oradoras falaram sobre o impacto da Bantumakers no ecossistema de empreendedorismo angolano. Como a Unitel apoiou os grandes eventos de empreendedorismo em Angola. O Banco Millenium Atlântico realçou a aposta no Disruption Lab, promovendo ideias inovadoras. Academia Nzoji, focou na inclusão digital para facilitar o acesso à educação.

PITCHES DAS STARTUPS

1ª Startup: VôQueixar

Já teve uma má experiência de atendimento em algum estabelecimento em Angola? Provavelmente sim. Então, o projecto VôQueixar pode ajuda-lo a resolver o problema. A solução apresentada, permite que os usuários possam revisar as suas experiências e dar às empresas a oportunidade de melhorar o seu relacionamento com os clientes por meio de uma plataforma e aplicativo de feedback. .

2ª Startup: Conexão Académica

Educação, um problema que vários empreendedores têm tentado resolver em Angola. A conexão académica traz uma abordagem que envolve cursos à distância, com módulos específicos para que os formandos não gastem dinheiro em formações que não agregariam valor.

3ª Startup: Cartão Jovem Angola

Descontos e descontos. A proposta do CJA (Cartão Jovem Angola) é garantir que os Jovens tenham descontos em vários empreendimentos/serviços, desde que façam parte do projecto CJA.

4ª Startup: Angola Desportiva

Cobertura de eventos desportivos, dados sobre o desempenho das equipes e jogadores… Este portal desportivo, cria engajamento e valor comercial usando o desporto.

5ª Startup: Drone SIG

Com a ajuda dos drones, o “DRONESIG” recolhe e analisa os dados de imagem de uma determinada área que podem solucionar os problemas dos agricultores no monitoramento de pragas.

6ª Startup: Onde!

Os endereços em Angola ainda representam um problema. A Onde! é uma plataforma de endereçamento que fornece não apenas um endereço de três palavras, mas também fornece informações vitais sobre todos os serviços no país.

7ª Startup: MenosLixo

Várias toneladas de lixo são produzidas actualmente em Angola. Luanda é a cidade mais crítica devido à superpopulação. E se existisse uma solução que ajudasse à reduzir os constrangimentos para separação/recolha e tratamento dos resíduos sólidos? O Menos Lixo é uma plataforma online em que os cidadãos podem encontrar empresas de reciclagem, vender seus materiais de reciclagem ou doá-los.

8ª Startup: Twenda

Se circular por Angola, verá que as motos são o meio de transporte mais utilizado, principalmente nas zonas rurais. A Twenda traz um serviço de viagens mais econômica e rápida através de seu aplicativo de moto-táxi .

9ª Startup: Roque Online

O projecto herdou o nome daquele que já foi o maior mercado informal de Angola: Roque Santeiro. O Roque Online conecta os mercados informais do mundo, fornecendo ferramentas para fornecedores e prestadores de serviços informais de mercado negociarem de moto autonómo como uma micro-empresa.

10ª Startup: e-Bina

A E-Bina pretende introduzir atividades de andar de bicicleta na capital de Luanda, tornando mais fácil e mais ecológica a locomoção. Os utilizadores poderão alugar bicicletas à um baixo custo, usando uma aplicação que indicará os locais mais próximos e permitirá fazer o pagamento online.

Painel 2: Vencedores das edições anteriores do Seedstars Luanda

Luis Verdeja (Jobartis), Paulo Araújo (Wi-Connect), Erickson Mvesi (Tupuca) e Emerson Paim(Kubinga), os 4 vencedores das anteriores edições do Seedstars Luanda, sentaram com Carlos Jaime (Bukaapp) e partilharam a sua experiência no evento e como isso impactou nos seus negócios.

STARTUP VENCEDORA:

Roque online foi coroada a vencedora do Seedstars Luanda 2019, representará angola na conferência regional em Joanesburgo e na final mundial, na Suíça.

Roque Online recebe o bilhete para a grande final mundial [Créditos da foto: Bwe VIP]

2º Lugar : Cartão Jovem Angola
3º Lugar : Onde