Conheça o estudante angolano que recebeu um prémio inédito na Inglaterra

1090

Arcanjo

Lembrem-se do nome: Arcanjo Maló Wacunzo, de 22 anos, formado no Instituto Médio Industrial de Luanda (IMIL), actualmente estudante do terceiro ano do curso de Engenharia de Petróleo na London South Bank University, em Inglaterra.

Devem lembrar-se do nome porque esse ele vem acompanhado de um prémio denominado “Excellence in Education Awards/2013” (Excelência em Educação). Estudantes ganham prémios ao redor do mundo, Angolanos inclusive e nós não reportamos. Por que reportar esse prémio?

O facto interessante é que a universidade entrega este prémio aos professores que se destacam na pesquisa e ensino. Então, Arcanjo Wacunzo foi uma excepção à regra, um estudante a vencer esse prémio.

Segundo informações do Jornal de Angola

“Arcanjo, natural do Huambo, é presidente da Associação dos Estudantes da London South Bank University e membro da Associação dos Engenheiros Químicos. Participou em várias competições de intelectuais em universidades inglesas, como a University College London (UCL), Manchester University e Aberdeen Univeristy.

Arcanjo é membro activo da Sociedade Internacional dos Engenheiros de Petróleo (SPE).”

O estudante comentou sobre o prémio recebido:

Recebi o prémio por ter maior número de classificações nas actividades académicas e extra-académicas. O meu aproveitamento geral foi acima dos 80 por cento em Ciências de engenharia de petróleo.

A equipe do MenosFios felicita o Arcanjo Wacunzo e prometemos entrevistá-lo nos próximos dias, assim o país (e não só), ficará a saber mais sobre o estudante.

[Fonte]: Jornal de Angola