Encerrado um dos maiores mercados usados por cibercriminosos

1846

Autoridades dos EUA, Reino Unido, Holanda, Austrália e vários países europeus levaram a cabo mais de 200 mandados de busca e detiveram 120 pessoas, desmantelando o Genesis Market, um dos maiores mercados do cibercrime.

No Genesis Market, era possível comprar bases de dados de passwords, detalhes de login, endereços de IP e outros dados que constituem a “impressão digital” das vítimas. Agora, uma operação concentrada em 17 países levou à detenção de mais de 120 responsáveis e o site passou a mostrar a mensagem: ‘Operation Cookie Monster. This website has been seized’, ou seja, ‘Operação Monstro das Bolachas. Este site foi apreendido’.

No lado do Reino Unido, a National Crime Agency detalha que o Genesis MArket tinha mais de 80 milhões de conjuntos de credenciais e impressões digitais à venda: “Durante demasiado tempo, os criminosos roubaram credenciais de membros inocentes do público (…) Queremos que os criminosos tenham medo por termos as suas credenciais agora, e temos”, afirma Robert Jones, diretor-geral do National Economic Crime Centre da NCA, à BBC.

MAIS: Hackers russos bloqueiam site do Parlamento francês

A página deste mercado estava disponível na web convencional, sem ser necessário recorrer à dark web, e apresentava uma interface cuidada, em inglês. À venda estavam credenciais de serviços como PayPal, Netflix, Amazon, eBay, Facebook, Uber ou Airbnb e os criminosos que comprassem a informação até podiam receber notificações da Genesis se as passwords fossem alteradas pelas vítimas. Jones explica que “era um site muito sofisticado, muito fácil de usar, com uma wiki a explicar o processo e acessível na web aberta e na dark web”, conta Jones.

Dependendo da quantidade de informação desejada, o conjunto de dados por utilizador podia ser comprado por menos de dólar. As autoridades responsáveis pela operação estimam que dezenas de milhares de cibercriminosos tenham comprado dados aqui e que o número de vítimas chegue aos dois milhões.

As autoridades da Holanda prepararam uma página (aqui) onde os utilizadores podem colocar o seu endereço de email e receber uma mensagem caso os seus dados se encontrem na base de dados do Genesis Market.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui