Hackers trancam quartos de hotel e pedem resgate

1654

Os hóspedes de um hotel luxuoso na Áustria passaram por momentos de pânico na semana passada após serem impedidos de entrar em seus quartos, tendo a gerência do hotel de pagar 1500 euros em bitcoins (unidade de moeda virtual), aos cibercriminosos.

Os hackers que invadiram o sistema de chaves electrônicas do Romantik Seehotel Jaegerwirt, um hotel com diárias de até 530 dólares, e o malware utilizado pelos hackers para atacar as fechaduras electrónicas da propriedade é um ransomware.

Ransomware é um tipo de software maligno sequestra o computador da vítima e cobra um valor em dinheiro pelo resgate. Geralmente, o pagamento é pela moeda virtual bitcoin, pois é muito difícil rastrear o criminoso que irá receber o valor.

O sistema malicioso chegou também a interferir com o resto do sistema informático do Hotel, pois estes nunca conseguiram fazer cartões electrónicos novos para entrar nos respectivos quartos, ficou também afectado o sistema de pagamento, o que dificultou o check out de muitos clientes.

Christoph Brandstätter, o gerente de hotel contou à publicação que a mensagem dos hackers exigia um pagamento de dois bitcoins, ou cerca de 1.500 euros. Caso o resgate não fosse pago até o final do dia 22 de Janeiro, o valor dobraria.

A gerência do hotel na Áustria, no entanto, não quer mais saber das fechaduras electrónicas. Após a recuperação do sistema, o gerente do hotel afirmou que a propriedade voltará a utilizar fechaduras tradicionais.

Após a transferência dos 1.500 euros, os hackers permitiram que os sistemas voltassem à normalidade.