Netflix estréia os primeiros jogos na plataforma de streaming

0
1422

A Netflix acaba de dar os primeiros passos para entrar no segmento dos vídeos-jogos, ao disponibilizar três primeiros jogos na sua plataforma de streaming, embora actualmente limitada a apenas também três países.

Os utilizadores da gigante de streaming em Espanha, Itália e Polónia vão poder aceder aos jogos Shooting HoopsTeeter Up e Card Blast a partir dos seus telemóveis dentro da app, onde essa limitação no número de jogos e países é para que a empresa possa testar de forma controlada esse novo conceito da empresa.

Ao aceder à app Android nestes países, os usuários vão encontrar agora um separador de Jogos e, a partir daí, podem descarregar e instalar os títulos selecionados. No primeiro acesso, é pedido o login, onde devem usar as suas credenciais de acesso à Netflix, explica o Tech Crunch.

Nessa fase, que serve de um prelúdio, a Netflix lançou somente jogos associados à sua série de sucesso Stranger Things, mas de referir que esses mesmos vídeos-jogos não têm qualquer ligação com os conteúdos disponíveis em streaming. A nova aposta é em jogos casuais, gratuitos e apresentados sem anúncios publicitários, onde a empresa pretende usar os jogos mobile para fornecer mais uma alternativa de entretenimento.

MAIS: Google lança programa de desenvolvedor de jogos na Nigéria, Quénia e Gana

Os novos jogos e os antigos estão disponíveis a partir de hoje, 28 de Setembro, (na Polónia, os títulos anteriores de Stranger Things já podiam ser utilizados). Os títulos Stranger Things: 1984 e Stranger Things 3: The Game já estavam disponíveis na Play Store, mas agora os novos jogadores podem descobri-los diretamente pela app da Netflix.

“Ainda estamos nos primeiros dias, mas estamos muito contentes por poder trazer estes jogos exclusivos como parte da conta Netflix – sem anúncios e sem compras in app”, explica a empresa em comunicado.

Os planos da empresa passam por alargar a oferta de jogos em mais países, bem como para a versão iOS, embora que ainda não tenha sido divulgado quando estará disponível para os utentes africanos, nomeadamente em Angola.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here