Bactéria devoradora de plástico foi descoberta por cientistas japoneses

0
2556

Plastic pollution

Estima-se que 311 milhões de toneladas de plástico são produzidas anualmente em todo o mundo. Devido a sua composição, o plástico não é um material biodegradável, e tem sido um grande problema para o meio ambiente. Basta vermos imagens de oceanos inundados de plásticos (sacos, garrafas, rolhas, etc) para termos uma noção do que estamos a falar.

Durante anos o mundo tem arranjado soluções para diminuir o uso de plástico na sociedade, seja por sacos e embalagens biodegradáveis, de papel ou de outro material menos nocivo ao ambiente, mas com o problema de terem custos de produção mais elevados.

Mas boas noticias vem do Japão. Cientistas japoneses podem ter chegado a uma solução para todos os nossos problemas ambientais que envolvam o plástico. E a solução chama-se Ideonella sakaiensis 201-F6. É uma bactéria que consome PET, que um tipo de plástico bastante usado, e a transforma em outra substância chamada MHET. Em seguida, ele usa uma enzima adicional para transformar o MHET nos componentes básicos de PET. Pode parecer complicado para nós, mas segundo os cientistas é um processo bastante simples.

Bacteria

E porque não estamos ainda a pular de alegria com essa novidade? É que há um problema nisso tudo. As bactérias Ideonella sakaiensis 201-F6 não são do gênero, digamos…. “fobadas”, ou seja, não têm muito apetite e demoram muito tempo para consumir uma pequena quantidade de PET. Os cientistas observaram que as bactérias demoram seis semanas para apenas uma fina camada de PET. Neste momento o grande desafio dos cientistas é acelerar esse processo e já estão a esmiuçar o genoma da bactéria para chegar a esses resultados.

Não é a primeira vez que se encontra um organismo com estas características, já foram encontrados vermes, micróbios e outras bactérias, mas até hoje nenhum foi tão eficaz quanto a Ideonella sakaiensis 201-F6.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui