China vs Taiwan e o futuro da cadeia de chips

897

A visita da presidente da Câmara dos Deputados norte-americana, Nancy Pelosi, à Taiwan na semana passada reacendeu a guerra comercial entre China e Estados Unidos. Isso porque o território, que quer maior autonomia em relação aos chineses, é também estratégico para o desenvolvimento tecnológico das duas potências.

Taiwan é a casa da maior fabricante de chips do mundo: a Taiwan Semiconductor Manufacturing Company (TSMC). Os semicondutores são componentes essenciais nos aparelhos electrônicos, de carros a smartphones. Eles agem como cérebros de processamento de dados para esses produtos.

Nesse momento, a China está a cercar a ilha de Taiwan e a manter uma tensão de guerra iminente. E, se isso acontecer, todas essas fábricas poderão parar e diminuir consideravelmente essa produção.

A escassez de chips no mercado aumentou muito devido aos reflexos da pandemia de Covid, e o conflito entre os dois territórios poderá afectar toda cadeia mundial de electrônicos — o que inclui  produção, transporte, custo e consumo.

A TSMC, particularmente, produz chips para as mais diversas empresas do mundo – da Apple à indústria militar americana. Os taiwaneses controlam mais de 90% da participação do mercado de processadores avançados.Imagem

Em 2020, a China respondia por 60% da demanda mundial por semicondutores – ou seja, mais da metade dos chips do mundo – e só produzia 13% da oferta. As vendas de chips atingiram mundialmente a casa dos USD 440 mil milhões em 2020. Mas durante a pandemia, o sector foi atingido por uma forte escassez – especialmente na produção de semicondutores de menor complexidade, menos lucrativos, o que impactou diversos sectores econômicos.

Além da TSMC, Taiwan também é o lar da maior fabricante mundial de electrônicos (a Foxconn) e a maior fabricante de notebooks do mundo (a Quanta Computer), que atende da Apple à Dell. É por isso que o New York Times chama Taiwan de “lugar mais importante do mundo”.

MAIS: China e EUA são os países com mais ferramentas para criar ataques informáticos

O QUE SÃO SEMICONDUTORES

São chips feitos de silício extraído da areia. A matéria-prima passa por um processo de purificação que resulta em lâminas com aspecto similar a vidro, mas não são transparentes. Essas lâminas se chamam wafer e passam por uma longa cadeia de processos em que a estrutura dos chips é construída de acordo com o design definido pelas fabless.

Por exemplo, os GPS presentes em máquinas agrícolas funcionam por meio dos semicondutores. Carros também precisam da tecnologia para serem produzidos, como também electrônicos, electrodomésticos e smartphones. “Todo o comando e toda a segurança de um avião é baseada em chips”.

O relatório de 2021 da SIA (Semiconductor Industry Association) sobre o mercado mostrou que, em 2020, a indústria de computadores comprou US$ 142 bilhões em semicondutores. As empresas de smartphones gastaram US$ 137,6 bilhões na aquisição dos chips. Já o setor automotivo consumiu US$ 50,1 bilhões com a tecnologia.

A China e Taiwan têm uma relação complexa. A ilha é governada de forma independente desde 1949, mas Pequim a considera parte de seu território e uma província dissidente. Desde 1971 o território é reconhecido pela Assembleia Geral da ONU como parte da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui