Egipto vai acelerar transição energética para renováveis para atrair investimento

0
351

O Egipto vai acelerar a aprovação de projectos de hidrogénio verde para atrair investimento estrangeiro, de modo a converter o país num centro regional de energia renovável, segundo palavras do primeiro-ministro, Mostafa Madbouly.

O dirigente que falava numa reunião com vários ministros egípcios, de acordo com um comunicado do Conselho de Ministros citado pela EFE, disse que “o Estado está a acelerar o passo para adoptar planos e propostas que atraiam mais investimento estrangeiro no campo da produção de hidrogénio verde, e concederá incentivos adicionais para que se invista nesta área“.

Mostafa Madbouly ndicou ainda que o seu O país tem assim o plano de converter-se “num centro regional de energia renovável“, procurando, de acordo com as directrizes do seu Presidente, Abdelfatah al Sisi, “trabalhar com rapidez para pôr em marcha os memorandos de entendimento assinados relativamente à produção e exportação de hidrogénio verde“, de acordo com a nota.

MAIS: Alemanha quer colocar Angola no mapa mundial do hidrogénio verde

De informar que essa reunião de Conselho de Ministros surgiu depois de o vice-presidente da Comissão Europeia responsável pelo Pacto Verde, Frans Timmermans, visitar o Egipto de olhos postos no fornecimento de gás e hidrogénio verde para a União Europeia, tanto a partir deste país árabe como do resto da região.

O objectivo da União Europeia nesta cooperação é garantir, a curto prazo, gás liquefeito à Europa e, a longo prazo, contribuir para a construção de uma instalação para produção de hidrogénio verde e importar estas energias do resto do Médio Oriente.

Esta transição acelerada para a energia renovável por parte do Egito acontece num contexto de grave crise energética na Europa devido à invasão da Ucrânia pela Rússia e num ano em que o país árabe será o anfitrião da Cimeira do Clima COP27, prevista para Novembro, na cidade costeira de Sharm el Sheik.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui