Google e Microsoft vão investir 30 mil milhões de dólares em cibersegurança

0
1306

MicrosoftGoogle e outras gigantes da tecnologia se encontraram com Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, no dia 25 de agosto, para discutir sobre a segurança cibernética no país. A iniciativa resultou em propostas bilionárias por parte das duas companhias, somando um total de 30 mil milhões de dólares prometidos para investimentos no sector durante os próximos cinco anos.

Satya Nadella, CEO da Microsoft, usou a sua conta Twitter para esclarecer que uma parte desse investimento irá para actualizações dos sistemas de cibersegurança da Microsoft.

“A Microsoft irá disponibilizar imediatamente 150 milhões de dólares em serviços técnicos para ajudar agências governamentais americanas a atualizarem as suas proteções de segurança e irá expandir parcerias com universidades e organizações sem fins lucrativos para formação em cibersegurança.”

Enquanto o Google prometeu US$ 10 mil milhões, a Microsoft se comprometeu em colocar US$ 20 mil milhões para aprimorar a cibersegurança nos Estados Unidos. Esse dinheiro será usado para expandir a rede de treinamento das empresas e ajudar agências governamentais a actualizarem seus sistemas, conforme revelou o CEO da Microsoft, Satya Nadella.

Em união a este investimento, o Presidente Biden reuniu-se com grandes empresas tecnológicas para debater ameaças, como o recente ataque à SolarWinds, bem como possíveis soluções a adoptar para proteger os sistemas digitais dos EUA. Outras empresas e organizações líderes no mercado como a Apple, a Amazon, IBM e Girls Who Code pretendem expandir as suas defesas de cibersegurança, seja de forma interna (ou seja, dentro da empresa) ou externa, protegendo os sistemas do governo e a sociedade americana.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here