Google lança sistema Wallet na África do Sul

1296

O Google lançou o seu principal sistema de pagamentos Google Wallet na África do Sul. Os sul-africanos que usam a Google Wallet agora poderão salvar e acessar cartões de pagamento, cartões de fidelidade e cartões de embarque pelo sistema, com suporte para itens adicionais sendo adicionados ao longo do tempo.

O acesso à tecnologia é vital para a prosperidade económica, pois milhões de pessoas usam os seus dispositivos móveis diariamente para tocar e pagar em lojas, pagar transporte público e utilizar uma variedade de passes”, diz o director nacional do Google na África do Sul, Alistair Mokoena.

“Ao incluir todos – um ecossistema dinâmico de fabricantes, desenvolvedores e usuários – queremos tornar as carteiras digitais acessíveis a todos por meio de acesso rápido e seguro aos itens essenciais do dia a dia.

MAIS: Google regista o maior ataque DDoS da história da Internet

Usar o Google Wallet é simples, diz a empresa. Aqueles que já possuem um cartão de crédito ou débito salvo em sua conta do Google, ele aparecerá automaticamente na Google Wallet.

Tudo o que eles precisam fazer é configurá-lo para pagamentos sem contacto seguindo as etapas. Se os usuários não tiverem um cartão salvo e quiserem adicionar um novo cartão ao Wallet, eles poderão selecionar o prompt “Adicionar um cartão” no carrossel na parte superior da página do aplicativo de carteira e serão solicitados a revisar e aceitar os termos e condições do Emissor antes do uso.

A partir desta terça-feira, 23/08, os titulares de cartões do FirstRand Bank, Discovery Bank, Investec, Standard Bank, ABSA e Nedbank poderão adicionar os seus cartões à Google Wallet e pagar com os seus telefones Android ou dispositivos Wear OS onde pagamentos sem contacto são aceites (na loja, em aplicativos ou na web).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui