Ministros africanos propõem Cimeira Continental sobre IA

798

Os ministros das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) do continente africano recomendaram à União Africana (UA) a organização de uma Cimeira Continental sobre Inteligência Artificial (IA) para a colaboração, o intercâmbio de conhecimentos e o planeamento estratégico entre as partes interessadas no continente.

Pelo que é revelado no site da UA, os dirigentes aprovaram a Estratégia Continental de Inteligência Artificial e o Pacto Digital Africano para acelerar a transformação digital de África, libertando o potencial das novas tecnologias digitais.

Ambas as iniciativas constituem a contribuição de África para o Pacto Digital Global e para a Cimeira do Futuro das Nações Unidas, em setembro de 2024, devendo ser submetidas ao Conselho Executivo da União Africana, no próximo mês, para consideração e adoção.

MAIS: Angola presente na implementação da Inteligência Artificial nos parlamentos

A Estratégia Continental de IA e o Pacto Digital Africano estão ancorados na Estratégia de Transformação Digital da União Africana (2020 – 2030) e na Agenda 2063 e baseiam-se em outras políticas, estratégias e quadros digitais continentais, tais como a política de dados, dados pessoais de proteção, cibersegurança, entre outros, com base nas aspirações de desenvolvimento de África a longo prazo.

De informar que a reunião virtual contou coma presença de mais de 130 ministros e especialistas africanos, onde abordaram o impacto das TICs para iniciar a transformação digital em todo o continente, atendendo às rápidas evoluções no sector alimentadas pela IA.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui