Huawei vai vender a marca Honor por 15 mil milhões de dólares

0
1208

A Huawei está prestes a vender a sua marca de dispositivos low cost Honor a um consórcio chinês liderado pelo distribuidor Digital China e pelo governo de Shenzhen, por 15,2 mil milhões de dólares.

O negócio será uma venda a dinheiro e vai incluir todos os activos da Honor, desde a marca, capacidades de pesquisa e desenvolvimento e a gestão da cadeia de distribuição. Este negócio, a concretizar-se, irá permitir à Huawei focar-se no mercado de smartphones de gama alta.Assim, caso a venda se confirme, então a Digital China ficará com 15% da subsidiária. Haverá ainda a participação de mais três empresas apoiadas pelo governo de Shenzhen. E cada uma terá uma quota de 10% a 15% da Honor.

A Digital China, que já colabora com a Huawei em negócios de cloud computing, vai recorrer a empréstimos bancários e a três empresas de investimento apoiadas por fundos do governo financeiro e tecnológico de Shenzen.

A marca Honor foi criada em 2013 pela Huawei para ampliar a sua presença no mercado de smartphones de gama baixa e média, tendo como principais concorrentes a Oppo, Vivo e Xiaomi na China. A Honor está também presente em países asiáticos e europeus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here