INACOM confirma que existem já 7,2 milhões de subscritores de Internet em Angola

1899

Angola atingiu, até ao III trimestre de 2021, um total 7,2 milhões de subscritores de internet, entre empresas e particulares, de acordo com os dados do Instituto Nacional das Comunicações (INACOM), do período em referência.

Desde o início do ano até ao final do III trimestre, em nove meses, mais de 313 mil subscritores aderiram ao serviço de Internet, um crescimento de 4,3% para o período. Nestes números estão agregados todos tipos de subscrição.

Em termos de quotas de assinatura de internet por operador a Unitel posiciona-se largamente na frente com 87% dos subscritores, mais de 6,2 milhões. A Movicel detém 11% destes assinantes e a TV Cabo e Zap repartem os restantes 2%. A operadora angola Telecom não entra nestas contas, de acordo aos dados do INACOM.

MAIS: Movicel perde 1,2 milhões de clientes durante a pandemia da Covid-19

Na prática, as operadoras que atuam na rede móvel celular, nomeadamente Unitel e Movicel, absorvem 98% dos subscritores, pelo facto de haver cada vez mais utilizadores de internet nos telemóveis por ser mais simples, apesar de haver outras formas de subscrição nestas operadoras.

Nesta altura, o mercado aguarda pela quarta operadora móvel, Africell, num mercado a dois na telefonia móvel e quase a dois na subscrição de internet. Assim como espera também pela operacionalização da rede 5G cujas licenças já foram atribuídas à Unitel, Movicel e Africell.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui