Jovens angolanos criam protótipo de andaime eletromecânico

682

Um grupo de estudantes do curso médio de mecânica-auto do Instituto Politécnico do Caminho de Ferro de Moçâmedes criaram um protótipo de andaime com elevador eletromecânico, de modo a conferir mais segurança na construção civil.

O projeto tecnológico dos jovens inovadores consiste em dois motores e uma bateria de 12 volts, feito de varões e chapas, tendo como base uma plataforma sincronizada por corrente elétrica, cujo objetivo é facilitar a execução de múltiplos serviços de carga e transporte de operários para andares superiores, sem que tenham de escalar escadas de andaimes tradicionais.

Em entrevista a ANGOP, o coordenador do grupo de estudantes criadores, Agostinho Pedro, disse que o objetivo da criação do respetivo protótipo é reduzir o esforço físico humano e dar mais segurança aos operários.

Sem revelar o custo do investimento, afirmou que o protótipo está projetado para trabalhar até cinco andares, foi desencadeado por motores elétricos de corrente contínua e não alternada, o que pode ser bastante útil, caso receba apoios.

Na ocasião, solicitou o governo local a apostar na implementação do mesmo, no intuito de modernizar o equipamento e reduzir a carga pesada dos trabalhadores com uso deste meio tecnológico para o uso em obras de construção civil.

Já Yuri Cambanda, professor que acompanha os inventores, revelou que o projeto é “bastante frutífero”, na medida em que bem desenvolvido, servirá para a execução e trabalhos dinâmicos, sem ter que montar o andaime mecânico, que exige mais esforço do construtor e risco no içamento de carga, como cimento, areia, massa e tijolos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui