Relatório da Kaspersky diz que 25% das redes Wi-Fi públicas no mundo não são seguras

0
30
wi-fi
A Kaspersky Lab analisou mais de 31 milhões de redes Wi-Fi públicas em todo o mundo e chegou à conclusão que 25% delas não são seguras. Isso quer dizer que, colocam em risco os dados pessoais dos usuários.
Kaspersky Lab é a maior empresa privada de soluções de segurança endpoint do mundo. A empresa inclui-se entre os 4 maiores fornecedores de soluções de segurança endpoint do mundo. Ao longo da sua história, de mais de 15 anos, a Kaspersky Lab fez um trabalho contínuo de segurança TI e oferece soluções eficazes de segurança para grandes empresas, PMEs e consumidores. Actualmente, a Kaspersky Lab opera em quase 200 países e territórios de todo o mundo, onde oferece protecção em mais de 300 milhões de usuários.
Tudo o que é transmitido através destas redes, que inclui mensagens pessoais, palavras-passe, documentos e outras informações, é facilmente interceptado e utilizado pelos hackers, Tailândia, França, Israel ou os EUA, que são os destinos turísticos populares  estão entre os países com as mais altas percentagens de hotspots de Wi-Fi não encriptados.
A maior ameaça à segurança do Wi-Fi gratuito é a capacidade de um hacker posicionar-se entre usuário e o ponto de conexão. Então, em vez de falar directamente com o ponto de acesso,  o usuário envia as suas informações para o hacker, que as retransmite.
O director geral da Kaspersky Lab Iberia, Alfonso Ramirez disse o seguinte: ” Aconselhamos todos os utilizadores a estarem constantemente alerta quando se ligados a uma rede Wi-Fi. Não utilizem hotspots que não solicitam palavras-chave para realizar actividades de alto risco como aceder à conta bancária online ou fazer compras da mesma forma, bem como transferir informações confidenciais. Se esse conjunto de informações for interceptado por terceiros, pode resultar em graves perdas para o utilizador. E, claro, recomendamos fortemente a utilização de medidas adicionais para proteger estas ações, como uma tecnologia VPN (Virtual Private Network)
A sua rede wi-fi é segura?