Kepya utiliza a internet para facilitar a comercialização de produtos do campo em Angola

4564

Durante o Seedstars Luanda 2018, pela primeira vez ouvi falar sobre o Kepya: “o agromercado digital de Angola” – um marketplace que liga todos os envolvidos na cadeia de valor da agricultura e fornecedores de serviços financeiros.

A plataforma  Kepya, que significa “lavra” na língua oficial Umbundu, foi uma das principais inovações e atracções da Feira Internacional de Luanda 2019, visto que a mesma fornece informações sobre a disponibilidade e necessidade de produtos agrícolas e promove a rápida transacção dos mesmo através de um clique.

Como funciona?

O Kepya é um aplicativo em que um indivíduo, chamado de agregador, normalmente residente no interior, vai junto dos agricultores recolher informações sobre produtos disponíveis e as respectivas quantidades. O agregador passa essa informação para o aplicativo onde as empresas de transporte têm acesso à informação e vão à busca dos produtos para os principais centros de consumo. Ou seja, empresas ou singulares com mais de uma viatura de carga e pretendam rentabilizá-las através do frete nas diferentes províncias.

O grande objectivo é evitar a deterioração dos produtos agrícolas na época de maiores colheitas. Os mentores do aplicativo também compram a produção para revender aos principais supermercados. É também um aplicativo que emprega essencialmente jovens que residem nas zonas rurais em busca de oportunidade de emprego.

Para garantir a sua fácil utilização e inclusão, a plataforma pode ser utilizada via portal web, chamada telefónica ou envio de mensagem de texto.

Kepya.co.ao

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui