Microsoft promete até 15 mil doláres para quem encontrar falhas no Office

235

A Microsoft decidiu apostar a sério na segurança de uma das suítes de aplicativos mais produtivas do mercado, o Office. Pensando nisso, criou um novo programa de recompensas para desenvolvedores que encontrarem falhas de segurança nas versões mais recentes do Microsoft Office. Dependendo do tipo de falha, os prémios variam entre US$ 500 e US$ 15.000.

Microsoft

Requisitos para participar no programa

Ter, no mínimo, 14 anos serem pesquisadores individuais, residir em um país que não esteja sob sanções dos Estados Unidos (ou seja, Angolanos podem participar), não ser funcionário da Microsoft ( ou parente de um funcionário).

O que a Microsoft procura?

A Microsoft procura falhas relacionados a vulnerabilidades ainda não identificadas e que possam ser reproduzidas na versão mais recente do Microsoft Office Insider, acompanhadas do número da versão em que elas são encontradas. As falhas precisam ter instruções claras sobre como executá-las para garantir o maior pagamento possível. Assim a Microsoft conseguirá eliminá-las de um modo mais rápido.

Quando termina o programa?

O programa foi iniciado no dia 15 de Março e dura até o dia 15 de junho de 2017. Só serão válidas as vulnerabilidades descobertas nas versões de teste do Microsoft Office Insider. Mais detalhes podem ser encontrados no site oficial.

Esta estratégia está a se tornar comum, a Google é uma das grandes empresas a enveredar por esse caminho, convoca os utilizadores para testar e paga à quem encontrar falhas.