Moçambique em destaque na Conferência de Segurança Cibernética de Portugal

900

Moçambique foi um dos principais países que participou na 8° Conferência de Segurança Cibernética de Portugal, designada C-Days 2022, organizada pelo Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS), no Centro de Conferências de Estoril, Portugal, juntando especialistas e amadores da área de segurança cibernética para debater o sector.

Com o lema “Apostar na Prevenção”, a Conferência C-Days contou com oradores de diferentes áreas, dentre eles gestores, profissionais, académicos, estudantes e público no geral, que proporcionaram discussões e reflexões visando a consolidação dos níveis de cibersegurança do ecossistema.

Entre os oradores, destaque para o Presidente do Conselho de Administração do Instituto de Tecnologias de Informação e Comunicação (INTIC), Lourino Chemane, que falou no painel sobre a Geopolítica e Insegurança Cibernética, juntamente com Felipe Pathé Duarte, da Nova Scool of Law, e Luís Barreira de Sousa, do Ministério dos Negócios Estrangeiros de Portugal.

MAIS: Filipe Nyusi. Sector das Comunicações em Moçambique tem ainda muitos desafios

A delegação moçambicana incluiu, para além de quadros do INTIC, funcionários de outras instituições públicas como o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Banco de Moçambique e Instituto Nacional das Comunicações de Moçambique (INCM).

A participação de Moçambique no evento é resultado da implementação parcial do Plano de Cooperação e Colaboração entre o INTIC e o CNCS de Portugal, acordado em 2021, que inclui a integração de Moçambique como observador nos exercícios de segurança cibernética de Portugal e de quadros do CNCS, nas ações de capacitação dO INTIC na área de segurança cibernética nos próximos dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui