Secret, a rede social que promete agitar os angolanos

0
1555

Secret-app

Facebook,  Instagram, Twitter,  qual é o seu vício?

Alguns angolanos usam essas 3 redes sociais em que o objectivo é interagir com os amigos. Partilhamos um conteúdo e os nossos amigos “curtem” ou “favoritam”. Interacção pura, uma conversa de “amigos” para serem reforçados os laços, ou em muitos casos, destruídos…

Mas imaginem agora se aparecesse uma rede social sem nomes, onde as publicações fossem anónimas,  um lugar perfeito para partilhar segredos.

Essa é a proposta do aplicativo “Secret” que tem ganho popularidade ao redor do mundo e claro, Angola não poderia ficar fora dessa lista.

1. Apresentação

Como todo bom aplicativo, o Secret tem uma interface realmente simples, com uma aba onde podemos encontrar notificações sobre novos segredos, segredos de amigos ou segredos populares (aba explorar).

 

Segundo a descrição oficial:

Secret é uma nova maneira para compartilhar o que você está pensando e sentindo com seus amigos.

  • Escreva tudo o que estiver em sua mente, livre de julgamentos.
  • Faça com que suas palavras se destaquem ao adicionar fotos ou fundos coloridos. Personalize ainda mais com borrões, texturas e humores.
  • Comente os segredos dos seus amigos com um novo e único avatar para cada conversa.
  • Quando um amigo gostar do seu segredo, ele se espalha entre os amigos dele. Os segredos mais interessantes podem viajar por todo o mundo.

Seja honesto. Seja aberto. Seja você mesmo.

2. Como contar segredos?

Ao escolher a opção para adicionar um novo segredo, o aplicativo dá a opção de escolher uma cor do fundo diferente ou ainda uma imagem que esteja no smartphone, tal como acontece com o Instagram.

Após contarmos o segredo, aguardamos que um amigo “goste” e assim o segredo vai se espalhando para os seus amigos e o ciclo continua.

O aplicativo encontra os amigos usando a conta do Facebook e também os contactos telefónicos.

3. Qual é o grande inconveniente do Secret?

Tal como todas outras criações, o Secret foi idealizado para permitir interacções anónimas, sem pressões. Uma forma de comunicar sem ser julgado, mas as pessoas foram logo para o lado mais sombrio… “difamação”. Em vários países esse aplicativo está a ser usado para difamar utilizadores, o que valeu ordens judiciais para remover o aplicativo.

Em Angola ainda não chegamos a esse extremo, mas da forma que está tudo a se encaminhar, não fiquem surpresos se um dia encontrarem esse aplicativo fora das lojas oficiais.

OBS: Um facto que muitos desconhecem é que se houver uma acção judicial por causa de uma publicação no “Secret”, a empresa responsável poderá indicar o nome verdadeiro do dono do perfil difamador.

Ainda não testou o secret?

Há ainda a opção de acompanhar as actualizações pela versão Web: www.secret.ly

Pelo conteúdo angolano que tenho visto, o meu conselho é que menores de 18 anos não utilizem tal rede.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here