Tek MenosFios: Raio-X ao Bitcoin (Episódio 02)

678

O bitcoin (BTC) é uma moeda criptografada, descentralizada e sem regulação de governos, com origem em meados dos anos 2000, através de uma discussão virtual entre programadores de diversas partes do mundo, que se utilizavam de uma lista de e-mail como meio de comunicação e debates.

O conceito por de trás de sua criação é que ela seja uma moeda virtual, onde as operações são protegidas com criptografia, e que as transações ocorram directamente entre os usuários, eliminando assim o controle dos governos e as instituições bancárias, que normalmente cobram taxas para cada operação de pagamento e recebimento em moedas convencionais.

A ideia da sua criação desenvolveu-se com mais naturalidade no final dos anos 2000, com a crise económica em grande escala, quando o programador Satoshi Nakamoto publicou um artigo com as ideias centrais do projecto. No ano seguinte, o mesmo desenvolveu o código principal do sistema, que veio assim revolucionar a forma como as pessoas se relacionam com o dinheiro.

O primeiro bloco de 50 moedas de bitcoin, commumente chamadas de “genesis block” na comunidade hacker, foi garimpadas em Janeiro de 2009, pelo próprio Nakamoto. De lá para cá, programadores e entusiastas da novidade passaram a vida a garimpar e a fazerem as primeiras transações utilizando a moeda, o que definitivamente chamou a atenção de muita gente.

O sistema de garimpar os Bitcoins funciona pela internet, usando criptografia de chave pública e um arquivo que registra todas as transações feitas para criar códigos, chamadas de moedas digitais. Uma outra especificidade, é que o conceito criado por Nakamoto tem a característica de se autorregular com base em um sistema de mineração informatizado, o que é considerado como uma solução para o futuro do dinheiro digital e alternativo às moedas convencionais.

Essas todas características dão ao “novo dinheiro” da internet um carácter descentralizado, permitindo transacionar com bitcoins em diversas partes do mundo com baixas taxas e livre da regulação dos Estados ou do controle dos bancos. Sendo assim, o bitcoin gera mais privacidade a seus usuários, visto que não há a necessidade de vincular informações pessoais à transação.

Isso tudo que falamos acima deram mais publicidade aos bitcoins e, na ideia de alguns entusiastas do assunto, isso foi complementado por uma série de vantagens teóricas da moeda em relação ao sistema bancário tradicional, como por exemplo: transferências de pessoa a pessoa sem o intermédio de bancos ou regulação central, taxas menores, abertura fácil de contas e poucos pré-requisitos para começar. Essas vantagens, para quem utiliza o bitcoin, são as responsáveis pelo aumento do número de usuários da moeda nos últimos sete anos.

De acordo com os últimos números da BitPay, empresa especializada em operaçõe com bitcoin, mais de 100 mil estabelecimentos comerciais no mundo aceitam bitcoins como forma de pagamento.

Fazem parte desses entusiastas do dinheiro virtual algumas startups e até grandes empresas de tecnologia, como WordPress, Mega, Reddit, Dell, Google e Microsoft, bem como um universo de milhões de pessoas de diversas nacionalidades interessadas no carácter inovador e revolucionário da criptomoeda, que compram e vendem legalmente bens e produtos pela internet ou em canais físicos, apesar que a maioria das transações ocorram no meio digital.

Talvez possa ser novidade, mas os bitcoins também podem ser trocados por prata ou ouro em câmbios especializados. Por exemplo, em Berlim, Alemanha, já é possível pagar bitcoins em cafés, bares, restaurantes e lojas de disco.

Eis os episódios anteriores:

Episódio 01.

__________________________________________________________

Esse foi o episódio Tek MenosFios: Raio-X ao Bitcoin dessa semana, onde esperamos que seja útil para todo e qualquer pessoa que queira saber mais essa moeda digital. Agora, pedimos que os nossos leitores a comentem e que contribuam com informações adicionais que julguem serem necessárias sobre esse mesmo tema.

Todas e quaisquer questões que gostassem de ver aqui respondidas devem ser colocadas no canal de comunicação exclusivo e dedicado ao Tek Menos Fios.

Falamos do e-mail criado para esse fim: [email protected]. Este é o único ponto de recepção das questões que nos enviarem. Usem-no para nos remeterem as vossas questões, as vossas dúvidas ou os vossos problemas. A vossa resposta surgirá muito em breve.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui