Telemóveis com ecrãs capazes de se regenerarem podem chegar em 2028

1904

Os smartphones com ecrãs capazes de se regenerarem podem ser lançados no mercado em 2028, de acordo com as previsões de analistas da CCS Insight dadas à CNBC.

Os especialistas esperam que os fabricantes lancem os equipamentos dentro de cinco anos, que terão um nano revestimento na superfície dos ecrãs. Desta forma, ao ser riscado, o equipamento é capaz de gerar um novo material que reage ao ser exposto ao ar, conseguindo preencher as falhas do ecrã.

Os especialistas assumem que a nova tecnologia “não está no domínio da ficção científica” e que é possível que seja feita. A LG, a Motorola e a Apple já falam há vários anos de ecrãs capazes de se regenerarem. No entanto, a tecnologia ainda não foi concretizada em nenhum aparelho por forma a que se torne comercialmente bem-sucedida.

A CNBC refere ainda que para que um equipamento chegue ao mercado com esta nova tecnologia, é necessário muito investimento em investigação e desenvolvimento.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui