Websites do Sporting e FC Porto alvos de ataques DDoS

913

O website oficial do Sporting Clube de Portugal (SCP) foi alvo de um ataque DDoS. “Estamos a realizar todos os esforços para resolver a situação e repor a normalidade”, avança o clube na sua página do Facebook.

Como explica, o ataque, registado na manhã de ontem, “consiste no envio de pedidos excessivos provenientes de vários computadores também eles comprometidos, causando sobrecarga nos servidores alvo”. O elevado número de pedidos “tem como objetivo interromper o normal funcionamento do site causando constrangimentos no acesso, podendo inclusive levar à indisponibilidade total do serviço”.

O também o website do Futebol Clube do Porto (FC Porto) foi alvo de um ataque informático, disse hoje à Lusa fonte do clube.  “Estamos a ser alvo de um ataque de DDoS (Distributed Denial of Service). São milhões de pedidos de acesso, que entopem o site, e fizeram com que este tenha ficado em baixo”, afirmou fonte oficial do clube.

MAIS: Portugal passa multar empresas sem plano contra ciberataques

Segundo a mesma fonte, o FC Porto aguarda que esta situação seja resolvida o mais rápido possível, garantindo que os atacantes “não entram na estrutura” do website dos dragões.

Desde o início deste ano que várias empresas e entidades portuguesas têm sido vítimas de ataques informáticos. O ataque à Impresa, dona da SIC e do Expresso, aconteceu logo nos primeiros dias de 2022, seguindo-se um ao website da Assembleia da República. Em fevereiro, a Vodafone, o grupo Cofina, a Trust in News e os Laboratórios Germano de Sousa também foram atacadas.

No final de março, a Sonae MC, dona do Continente, foi visada e, mais tarde, a EDA – Eletricidade dos Açores, e as restantes associadas do grupo, assim como a agência Lusa, juntaram-se ao grupo de entidades que foram vítimas de ataques.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui