Windows 10X: O novo sistema da Microsoft para dispositivos com tela dupla

466

No seu evento anual de hardware denominado “Surface Event” que aconteceu em Nova York, a Microsoft anunciou o conjunto esperado de actualizações para sua linha de hardware existente. A maior surpresa, no entanto, foi certamente o anúncio do Surface Neo de tela dupla da empresa, que estará à venda em 2020. Para tornar possível esse tipo de dispositivo de tela dupla, a Microsoft também criou uma nova versão do Windows 10: Windows 10X.

A coisa mais importante que o usuário precisa saber sobre o Windows 10X é que ele pode realmente executar aplicativos tradicional do Windows, não apenas os aplicativos da loja windows ou os aplicativos que você pode executar pela Internet. Logo de cara, a Microsoft aparentemente se esquivou da enorme limitação que tornou o Windows RT e o Windows 10 S uma confusão tão confusa, porque será compatível com os aplicativos que você já usa há décadas.

O design geral não parece tão diferente do Windows 10 com o qual muitos provavelmente já estão familiarizados, mas obviamente possui toda a funcionalidade para mover aplicativos entre dispositivos – ou expandi-los pelas telas. O dispositivo reflui automaticamente, não importa como o utilizador segure o dispositivo. O Windows 10X também oferece recursos para a capa do teclado do Neo, que cobre cerca da metade da tela e depois revela o que a Microsoft, por algum motivo, chama de ‘WonderBar‘, com um trackpad virtual.

De facto, pode ser exclusivamente para esses tipos de dispositivos: “O Windows 10X é o melhor do Windows 10 criado para permitir experiências únicas em PC’s de tela dupla com várias posturas”, é o argumento de uma linha da empresa em uma nova postagem no blog . Mas, surpreendentemente, os dispositivos de tela dupla da Microsoft não serão exclusivos do Windows 10X