A TV por fibra ótica em Portugal já alcançou um milhão de clientes

0
1848

 

De acordo com um relatório da Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) de Portugal, o serviço de televisão paga em Portugal aumentou no ano transacto de 2016 para 3,67 milhões de assinantes,  mais 145 mil que no ano anterior.

Este é um valor que constitui um recorde que fica a dever-se às ofertas suportadas em fibra óptica que atingiram 1,057 milhões de assinantes. No final de 2016 a fibra ótica já representava 28,8% do total de assinantes, o que significou um acréscimo de 5,5% face a 2015. Ainda assim, esta continuou a ser a segunda forma de acesso mais importante, encontrando-se em primeiro lugar os acessos por cabo que representaram 36,7%.

Mas houve uma diminuição de 9,5% no que diz respeito à tecnologia xDSL, com cerca de 678 mil subscritores e permance em terceiro lugar entre as redes de suporte do serviço com 18,5%. De acordo com o Barómetro de Telecomunicações da Marktest, em 2016, 4,1% dos indivíduos com 10 ou mais anos tinha subscrito serviços de vídeo streaming on demand (Netflix, Fox Play ou NPlay).

Já a transmissão de televisão digital por via satélite, conhecida pela abreviação DTH (termo inglês direct to home), possui 16,1% entre os subscritores de televisão paga. Um serviço que sofreu também uma diminuição de 3% quando comparado ao ano anterior.

Em Angola além da TVCabo que tem o serviço de televisão por via cabo em algumas regiões do país, a operadora Zap Fibra já está a implementar o mesmo serviço na capital do país e que esperamos possuir vários clientes aderirem à este tipo de serviço daqui alguns anos.

Enquanto isso a transmissão de televisão digital por via satélite ainda continua a ser o serviço mais utilizado e com mais clientes em Angola.

Usa o serviço de TV por fibra óptica?
FONTEAnacom
COMPARTILHAR
Artigo anteriorQuênia é o país com a internet mais rápida em África
Próximo artigoPaz e Tecnologia
Daniel Afonso Geto Estudante de Engenharia de redes e telecomunicações escreve sobre tecnologia precisamente por ser a sua área de formação, ser algo que ama fazer e para si é um previlegio fazer parte do maior site angolano de notícias ligadas à TIC.Partindo do princípio, parar é morrer, é também detentor das certificações: Administração de Redes, CCNA Routing, CCNA Switching e CCNA Security.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here