Angola presente na Expo de Sustentabilidade Planet Budapest 2021

0
1168

Angola esteve presente na Expo e Cimeira de Sustentabilidade Planet Budapest 2021, que decorreu em Budapeste, Hungria, e que terminou nesse último Domigo(05), com os Secretários de Estado para as Telecomunicações e Tecnologias de Informação e para as Águas, Mário da Silva Oliveira e Lucrécio Costa, liderarem a comitiva nacional.

O evento reuniu um grande leque de países, e não só do Grupo de Visegrado (Hungria, Polónia, Eslováquia e República Checa), onde abordaram sobre o desenvolvimento sustentável, com destaque para o uso da tecnologia na resolução dos problemas gerados pelas mudanças climáticas, bem como a dicotomia entre a segurança energética e a estabilidade política, o financiamento das economias circulares e verdes, segurança hídrica e alimentar, inteligência artificial, desenvolvimento técnico na área dos transportes e gestão de resíduos.

Segundo o que a redacção do MenosFios apurou, os dois Secretários de Estado mantiveram encontros bilaterais com as entidades húngaras, e não só, bem como também com as empresas ligadas aos sectores que dirigem, tendo como o objectivo a exploração de parcerias estratégicas e o aprofundamento dos laços de cooperação entre Angola e a Hungria nos domínios dos recursos hídricos e das telecomunicações e tecnologias de informação.

MAIS: Governo Angolano aposta nas telecomunicações para mitigar o efeito da Covid-19

O Secretário de Estado para as Telecomunicações e Tecnologias de Informação, Mário da Silva Oliveira foi recebido por István Joó, Subsecretário de Estado para as Exportações do Ministério dos Negócios Estrangeiros e Comércio da Hungria, que juntos falaram sobre a redinamização das relações de cooperação entre os dois países nos últimos anos, sem esquecer é claro da abertura do Governo Húngaro para estender apoios a projectos no campo das telecomunicações e tecnologias de informação em território nacional.

De referir ainda, que esse mesmo encontro serviu, ainda na mesma senda, para a exploração das áreas concretas em que os dois países poderão cooperar nesse capítulo, as quais serão identificadas após um trabalho técnico, tendo como principais referências os desafios que Angola pretende abraçar (cobertura nacional dos serviços de telefonia, acesso à Internet, atracção de mais investimentos nas áreas afins) e os avanços que a Hungria tem vindo a registar no que diz respeito às TICs.

A Expo e Cimeira de Sustentabilidade Planet Budapest 2021 reuniu 180 expositores do Grupo de Visegrado, onde deram a conhecer ao mundo as potencialidades tecnológicas da Europa Central, e a mesma cerimónia teve convidados de 120 países, que discutiram questões relativas à mudança climática, crise da água iminente, medidas de protecção da biodiversidade, smart cities e economia circular.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui