Cabo Verde quer levar 10 startups ao Web Summit 2023

1744

Cabo Verde vai levar 10 startups para a edição 2023 do Web Summit, que acontece em novembro, em Lisboa, e quer que os jovens empreendedores tenham a oportunidade de conhecer líderes empresariais e investidores no encontro sobre novas tecnologias.

Serão selecionadas 10 ‘startups’ cabo-verdianas, através de concurso público, para estarem presentes nesse relevante palco internacional“, anuncia a Cabo Verde Digital no regulamento do programa GoGlobal, consultado ontem, pela Lusa.

A Cabo Verde Digital é uma plataforma do Governo de Cabo Verde dedicada à promoção das tecnologias de informação e o seu ecossistema no país. As candidaturas decorrem até 17 de setembro e as ‘startups’ – empresas tecnológicas em fase inicial de actividade – sendo selecionadas vão receber formação para se prepararem para o evento, além de apoio em toda a logística associada à deslocação a Lisboa.

MAIS: Cabo Verde manifesta interesse em receber evento do Web Summit

O GoGlobal vai já na décima edição, em parceria com diversas entidades do setor tecnológico cabo-verdiano, com o objetivo de “consolidar e institucionalizar a participação do país nos maiores eventos de tecnologia, inovação e empreendedorismo do mundo“. Ao mesmo tempo, pretende-se dar visibilidade a projetos e ‘startups’ tecnológicas de Cabo Verde no mercado global, oferecendo a possibilidade de parcerias alinhadas com as últimas tendências e inovações.

O arquipélago vai ter um espaço de exposição no Web Summit, com foco nas empresas selecionadas e em todo o ecossistema digital do país. Em maio, foi realizado no Rio de Janeiro o primeiro evento regional da marca Web Summit, reunindo mais de 20 mil participantes, 500 investidores e cerca de 750 ‘startups’.

Nessa altura, Cabo Verde levou duas ‘startups’ a um primeiro encontro com o mercado da América Latina e o Primeiro-Ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva, foi um dos oradores do evento, destacando as qualidades do país para fixar investidores e ser destino de nómadas digitais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui