Conheça os vencedores da 2ª edição do Total StartUpper

1598

O júri do concurso StartUpper do Ano da Total anunciou, ontem, os três vencedores e o vencedor do prémio de destaque feminino, durante uma cerimónia oficial, que decorreu em em Luanda.

O prémio de primeiro classificado foi atribuído a Darry Nequetela, criador do software “Kubinga”, aplicativo que permite oferecer liberdade de mobilidade à sociedade, com a simplificação do acesso aos transportes. De realçar que o mesmo projecto foi o vencedor do Seedstars Luanda 2018,

Anjo Fudiela foi o segundo classificado desta 2ª edição,  com o projecto de saneamento “Angola 100Lixo”, ao passo que terceiro classificado foi Fernando Domingos, com o projecto de geolocalização de endereços do País denominado ” Plataforma Onde”.

Para a participação da 2ª edição do concurso startupper 2018/2019, foram inscritos 110 candidatos, dos quais 80 mulheres.

Os vencedores, além do acompanhamento profissional, por intermédio de uma incubadora de empresas e também uma campanha de comunicação para dar visibilidade aos seus projectos, receberam prémios assim distribuídos AKz 1,8 milhões (para o terceiro), 2,7 milhões de kwanzas (2º classificado) e 4,5 milhões para o primeiro classificado.

Na cerimónia de anúncio do prémio, o director da petrolífera francesa Total E&P Angola, Olivier Jouny, afirmou que os projectos dos vencedores serão divulgados, para serem conhecidos e obterem outros financiamentos.

A intenção da Total de apoiar o desenvolvimento sócio-económico dos países onde está implantada e contribui localmente para o reforço do tecido social, por intermédio do apoio prestado aos empreendedores mais inovadores, para a realização dos seus projectos.

O prémio «Destaque Feminino» foi atribuído a uma das finalistas com o objectivo de encorajar o projecto e receberá igualmente auxílio financeiro e uma viagem à Paris, para interagir com jovens empreendedores locais.O embaixador desta Edição é Erickson Mvezi, CEO e fundador de empresa de entregas ao domicílio, Tupuca.