EUA e UE defendem mudanças no controlo da concorrência na era digital

0
1186

Os Estados Unidos e a União Europeia concordaram nessa última terça-feira(07) na necessidade de se introduzirem alterações no controlo da concorrência face aos avanços tecnológicos e ao crescimento da economia digital.

De acordo com o comunicado oficial disponibilizado, na qual a MenosFios teve acesso, o governo norte-americano e a União Europeia abriram um diálogo conjunto sobre política de concorrência de tecnologia em Washington.

Esse evento foi inaugurado pela comissária europeia para a Concorrência, Margrethe Vestager, a presidente da Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos, Lina Khan, e o procurador-geral adjunto da divisão antimonopólio do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, Jonathan Kanter.

MAIS: Desafios da aceleração digital é tema da IV Conferência sobre Transformação Digital

Pelo que se pode ler no contrato, todas as partes informaram que os organismos que zelam pela concorrência devem avaliar com mais regularidade os efeitos da internet, o papel desempenhado por grandes quantidades de dados, a interoperabilidade e “outras características tipicamente encontradas nos mercados de novas tecnologias e digitais“.

Isso significa, segundo os EUA e a UE, que as agências antimonopólio devem “adaptar-se e responder a esses novos desafios“.

De ressaltar ainda que os Estados Unidos e a UE reafirmaram o interesse mútuo em cooperar nesta matéria, especialmente no setor de tecnologia, e destacaram que tal colaboração deve incluir uma troca de opiniões e experiências tanto no que diz respeito às políticas de concorrência, como as ações a aplicar.

Através deste diálogo, os Estados Unidos e a União Europeia vão procurar explorar novas formas para facilitar a coordenação e o intercâmbio de informações para garantir que os órgãos encarregados de garantir a concorrência estejam equipados para enfrentar novos desafios, refere o comunicado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here