Facebook multado em US$ 5 mil milhões no caso Cambridge Analytica

881

O Facebook vai ter de pagar uma multa de cerca de 5 mil milhões de dólares à Comissão Federal de Comércio (FTC) dos Estados Unidos da América (EUA) em relação às violações de privacidade ocorridas com usuários da rede social durante o escândalo da Cambridge Analytica em 2018.

Segundo o Wall Street Journal, essa é a maior sanção já imposta a uma empresa de tecnologia nos EUA por violação de privacidade, quase 230 vezes maior que a multa de US$ 22,5 milhões cobrada ao Google em 2012.

“O estudo da FTC descobriu que o Facebook já sabia dessa recolha de dados desde 2015, mas só começou a tomar providências para resolver o problema depois que foi exposto em 2018.”

A investigação ao caso foi desencadeada pela informação revelada em março de 2018, segundo a qual a consultora britânica Cambridge Analytica utilizou uma aplicação para recolher dados de 87 milhões de utilizadores do Facebook sem consentimento e com fins políticos.

Em outubro do ano passado, o Facebook já tinha sido multado no Reino Unido em 560 milhões de euros pelo mesmo motivo. Resta saber se serão aplicadas medidas adicionais à empresa de Mark Zuckerberg.

Ainda que a FTC tenha chegado a um acordo sobre o valor da multa para o Facebook, a decisão ainda será revisada pelo Departamento de Justiça, que é quem irá decidir se o acordo é justo para todos ou se não está bom o suficiente — e o caso deverá ser mesmo levado ao tribunal.