Fundador da GoPro garante que poderá vender uma parte da empresa

1731

Nos últimos tempos, temos presenciado a fusão de grandes empresas no mundo da tecnologias, a titulo de exemplo, temos a Apple que recentemente adquiriu a Shazam à um valor que ronda os 400 milhões USD.

Durante o CES 2018 que está a decorrer em Las Vegas, Nick Woodman (CEO da GoPro), disse que sua empresa está aberta a uma venda, deixou ainda bem claro que, não está a procura de uma comprador no momento.

O mesmo salientou ainda que, se houvesse uma oportunidade de fundir a GoPro com uma empresa-mãe maior, isso ajudaria a escalar negócios e proporcionar um melhor retorno do investimento aos investidores da empresa.

Essa informação surge em um momento que, as ações da GoPro caíram 30%, atingindo um mínimo histórico quando a GoPro (GPRO) anunciou que estava a abandonar o negócio dos drones. A empresa também anunciou que irá diminuir 20% de seus funcionários, incluindo alguns executivos.

Será que algumas empresas irão querer comprar uma parte da GoPro?