INAPEM e aceleradora do Canadá projetam acordos para as startups angolanas

1695

O Instituto Nacional de Apoio as Micro, Pequenas e Médias Empresas (INAPEM) e a Latam Startups, uma aceleradora do Canadá, projetam o estabelecimento de uma parceria entre as duas instituições que possa, futuramente, se traduzir no apoio técnico para as startups angolanas que necessitem de reforçar o seu desempenho sobretudo ao nível do know how.

A informação foi revelada num encontro do PCA do INAPEM, João Nkosi, e a Coordenadora da Startup LATAM, Marcelle Soldá, na 1.ª edição do Web Summit Rio, que decorre de 1 a 4 de maio, onde juntou mais de 900 ‘startups’, 500 investidores e mais de 300 oradores.

O evento na cidade brasileira teve um grande leque de participantes, com destaque para mais de 20.000 fundadores, investidores, meios de comunicação, entre outros, de mais de 100 países que esgotaram os bilhetes há mais de um mês.

MAIS: INAPEM e IFC assinam acordos para canalizar apoios as startups

Nos últimos tempos o INAPEM tem assinado vários acordos institucionais com o objetivo de empoderar as startups nacionais.

Para Braúlio Augusto, Administrador Executivo do INAPEM, que falava no evento alusivo a “Semana Global do Empreendedorismo“, reiterou que “é urgente a necessidade de aproximar o INAPEM, enquanto instituição do Estado às diferentes Startups que nascem todos os dias no País, com vista a garantir a visibilidade e segurança, tal como o apoio institucional da parte do Estado, a posicionar-se como facilitador”, para melhoria do ambiente de negócios no País e da diversificação da economia nacional.

Discursando para uma plateia composta por essencialmente por jovens estudantes, empreendedores e jovens gestores, Braúlio Augusto salienta também que às iniciativas ligadas ao empreendedorismo devem ser sustentáveis para salvaguardar a evolução do ecossistema das emergentes em Angola.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui