Início Eventos Tecnológicos Inspira, Startup brasileira, é a grande vencedora do Web Summit 2023

Inspira, Startup brasileira, é a grande vencedora do Web Summit 2023

0
Inspira, Startup brasileira, é a grande vencedora do Web Summit 2023

No último dia do Web Summit, que ocorreu na Altice Arena em Lisboa, de 13 a 16 de Novembro, os participantes tiveram a chance de acompanhar a grande final do concurso de Startups “PITCH”. A Inspira, startup brasileira que oferece soluções jurídicas, levou para casa o grande prémio.

Créditos: Piaras Ó Mídheach/Web Summit

O que faz a Inspira?

A Startup fundada no Brasil, tem o objetivo de simplificar e aprimorar a prática do direito, para isso desenvolveu uma plataforma colaborativa com inteligência artificial possibilitando pesquisas sobre jurisprudência.

Vindo de São Paulo para a competição, o cofundador do Inspira, Henrique Ferreira elogiou o Web Summit considerando-o como um “evento espetacular”, afirmando que a vitória é enorme para os planos da sua empresa planos. Tendo participado na Web Summit anteriormente como participante, Henrique regressou este ano com uma startup ALPHA com os seus três co-fundadores, chegando a final e levando o título.

Como foi a competição?

105 das 2.608 startups participantes se qualificaram para a competição de três dias e fizeram as suas apresentações para os membros do jurí. Além da Inspira (Legaltech), as outras duas Startups vencedoras foram a Cognimate (healthtech) baseada em Chipre, e a Kinderpedia, empresa de soluções para cuidados infantis da Romênia.

Os três finalistas foram apresentados a um painel de jurados composto por Cristina Fonseca, sócia-gerente da Indico Capital Partners
Cristina Fonseca, a CTO da Thoughtworks, Rebecca Parsons, e o cofundador e CEO da Yuno, Juan Pablo Ortega – todos com bastante experiência no mundo dos investimentos e das startups.

A Startup portuguesa Etihack venceu o prémio de ‘startup’ mais promissora da iniciativa Road 2 Web Summit, enquanto a Actif foi distinguida na categoria de impacto e inclusão social e a Jupiter App pelo seu desempenho.

Diferente dos anos anteriores, este ano a startup vencedora não recebeu um prémio monetário, mas receberá apoio da organização para expôr a marca da startup em outros eventos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui