Investigação mostra que Apple recolhe dados pessoais dos utilizadores do iPhone

1243

A Apple tem vindo a apelar à privacidade dos seus utilizadores, adotando medidas para que a recolha de dados privados sem consentimento seja limitada. Há novas funcionalidades nas mais recentes versões do iOS que prejudicam a indústria da publicidade, dificultando às empresas segmentarem os seus anúncios. Mas isso não significa que os smartphones da Apple estejam isentos da recolha de dados privados dos seus utilizadores, mais do que o que deveria, acreditam os investigadores de segurança.

Os investigadores Tommy Mysk e Tala Haj Bakry publicaram uma análise de como a Apple estará mesmo a recolher dados pessoais dos utilizadores, com capacidade de os identificar. Numa série de tweets, foi explicado que os dados de analítica da Apple incluem um identificador chamado “DSID”, que segundo os investigadores significa “Directory Services Identifier”. Trata-se de um ID que unicamente identifica uma conta na iCloud, “significando que a analítica da Apple pode identificar-te de forma personalizada”, lê-se na mensagem.

MAIS: Quem paga melhor aos músicos, a Apple ou o Spotify?

E essa identificação choca com o que é referido na nota de utilização dos serviços sobre a analítica e privacidade do equipamento, que referem que os dados recolhidos não identificam o utilizador pessoalmente. O qual os investigadores consideram ser pouco esclarecedor. Os investigadores afirmam ainda que a App Store continua a enviar analíticas detalhadas para a Apple, mesmo quando a opção de partilha de analítica está desligada pelo utilizador.

Foi ainda partilhada uma imagem de uma API ligada à iCloud, onde foi identificada a respetiva DSID juntamente com os dados pessoais do utilizador. Entre os dados associados ao DSID estão o nome, email e qualquer outra informação na conta do iCloud.

Na sua conclusão, os investigadores afirmam que a Apple Store envia analíticas detalhadas dos seus utilizadores para a Apple e que não existe forma de o impedir, mesmo quando opta por não partilhar nas definições. Da mesma forma, os dados analíticos estão diretamente ligados aos utilizadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui