Jogos electrónicos geram receitas consideráveis em Angola

1
1096

Falar de jogos electrónicos, não é nada mais do que falar de um jogo no qual o jogador interage através de periféricos conectados ao aparelho, como controles (joysticks) e/ou teclado, com imagens enviadas a uma televisão ou um monitor, ou seja, aquele que usa tecnologia de computador.

Em Angola já se tem feito algum trabalho relativamente aos jogos electrónicos uma das provas disso é a realização anual do Concurso Nacional de Jogos que já está à caminho da sua 5ª edição, que visa incentivar a criatividade e desenvolvimento de jogos digitais por meio da identificação, selecção e motivação de talentos para a promoção da cultura científica nacional, através da transferência de tecnologia e empreendedorismo de base tecnológica.

Relativamente a receitas, vinte e dois milhões de dólares norte-americanos é o valor de receitas que geram os jogos electrónicos, em Angola, praticado por uma comunidade de mais de 50 mil jogadores registados (dados fornecidos pela Angola Cables). As receitas são  geradas por compras online, acesso à Internet, acesso em contas em diversas plataformas  de “quebra-cabeça” criadas por empresas angolanas, que aproximam as tecnologias do ecossistema dos jogos electrónicos.

As transacções monetárias são feitas com base em servidores, como a PlayStation, uma das entidades que faz a gestão de jogos electrónicos, que localiza de forma específica a região de cada participante. Em Angola, com uma população estimada em cerca de 30 milhões de habitantes, a prática de jogos electrónicos ainda  está muito abaixo, se comparado com outros países de África.

Dados avançados recentemente, pela multinacional Angola Cables, durante um encontro com jornalistas de diversos órgãos. Com base em dados da empresa Newzoo, o  “game”,  em África , é liderado  pelo Egipto com receitas anuais estimadas em  293 milhões de dólares, seguido da África do Sul com 216 milhões.

As empresas  Angola Cables, a  telefonia móvel Unitel e a NCR (tecnologias) são destacadas no suporte à tecnologia e comunidade de jogos electrónicos em Angola. O mercado conta também com um estúdio, a Bantu Games, que transforma histórias em jogos.

A dependência externa dos servidores, é apontada pela equipe da Angola Cables, uma das dificuldades neste processo, a nível de África, em particular Angola. São benefícios  dos jogos electrónicos, a melhoria da memória, velocidade do celebro e concentração, desenvolvimento de habilidades para futuras carreiras e promoção do trabalho em equipa. Como desvantagem dos jogos online são apontadas a promoção do sedentarismo, problemas sociais,  vício em jogos, falta de concentração e problemas de postura.

O relatório alargado sobre o mercado de jogos electrónicos pode ser encontrado aqui.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here