Kingston cria parceria com a ESET e lançará pendrives com antivírus incluído.

930

Kingston Data Traveller

A Kingston é das maiores empresas relacionadas a produção de dispositivos electrónicos de armazenamento. A minha pendrive é dessa marca, o  meu cartão de memória é da mesma marca, o… acho que ficou claro.

A segurança da informação está directamente  ligada aos dispositivos usados para maneja-la. Por isso, a a ESET – conhecida empresa do ramo da segurança de informação (lembram-se do antivírus ESET NOD 32? Pois é…) – anunciou parceria com a Kingston Technology (leia o primeiro parágrafo), para o lançamento das pendrives de segurança DataTraveler 4000 (DT4000) e DataTraveler Vault-Privacy (DTVP). Segundo as empresas, essas pendrives virão de fábrica com o antivírus ESET NOD32 e o aplicativo de segurança móvel ClevX DriveSecurity.

Desse modo, empresas (e singulares) que se preocupam com a segurança de informação, poderão descansar um pouco. Não esqueçam que as pendrives são meios de rápida propagação de ameaças. Os malwares mais conhecidos por se espalharem desta forma são: Dorkbot, Conficker e INF/Autorun. Esse último está tão espalhado por Angola, fazendo os documentos “desaparecer” das pendrives, que sinceramente não arrisco em apontar máquinas que não o tenham (amigos do open source, essa não foi para vocês….)

Por enquanto essas pendrives “seguras” são exclusivas para a América Latina, onde esse tipo de ataques está noutro nível. Se o acordo for um sucesso, nada impedirá que eles decidam alargar a cooperação.

Os usuários do mundo todo agradecerão…

[Via]: IDG