Ministro afirma que Angola segue os passos da 4ª revolução digital

965

O Ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha, afirmou em Joanesburgo, África do Sul, que Angola segue os passos da quarta revolução digital e que o país encontra-se atento à esse sector.

José Carvalho da Rocha que falava depois de ter participado na décima cimeira dos BRICS (sigla que se refere a um grupo de cooperação política, econômica e financeira entre Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), o executivo garante ter ouvido “com bastante agrado” todos os desafios colocados na cimeira e que os países emergentes têm, sublinhando que Angola está a fazer, de facto, um alinhamento das políticas públicas nesse sentido.

O ministro disse ainda que, de forma a andar direcionada para a 4ª revolução digital, o país tem de continuar a construir as suas infra-estruturas, para suportar os diferentes serviços que os cidadãos vão precisar. “O que estamos a fazer, de facto, é alinharmos as nossas políticas públicas nesse sentido, construir as infra-estrutras e abrir o sector para diferentes investimentos“.

Assunto Angosat não ficou de fora, o ministro reafirmou que o Angosat 2 já está em produção, desde Abril último, período em que o país começou a beneficiar de uma compensação, devido aos problemas registados com o funcionamento do Angosat 1.

Nós temos estado a receber as compensações, que são larguras de bandas que eles nos têm estado a oferecer, para que continuemos a desenvolver os serviços projectados com o Angosat 1″, disse José Carvalho da Rocha.