Montana se torna primeiro estado dos EUA a banir o TikTok

2003

O governador do Montana, o republicano Greg Gianforte, assinou esta quarta-feira uma lei que proíbe o uso do TikTok, tornando-se no primeiro Estado norte-americano a restringir por completo a popular rede social chinesa.

Ganforte relatou a decisão através da sua conta no Twitter: “Para proteger os dados privados e pessoais dos cidadãos do Montana do Partido Comunista Chinês, bani o TikTok” no Estado.

O Congresso do Montana aprovou no mês passado um projeto de lei que visava proibir a plataforma, sendo propriedade da empresa chinesa ByteDance, nos dispositivos móveis de todos os seus habitantes.

A proibição do Montana é a mais dura aprovada até agora por um território dos EUA e vai além da proibição que o Governo federal e metade dos 50 estados do país implementaram para que funcionários públicos não possam ter o TikTok nos seus dispositivos eletrónicos.

MAIS: TikTok bloqueia acesso a desafio perigoso

Vários setores nos EUA, incluindo a polícia federal (FBI), membros do Congresso e autoridades estatais levantaram preocupações sobre esta rede social, alertando que o TikTok pode ser utilizado por Pequim para fins de espionagem, já que a aplicação pertence a uma empresa com sede na China.

O país asiático tem leis de segurança que podem obrigar as empresas de tecnologia a partilhar dados com os seus serviços de inteligência, mas o TikTok e outras empresas argumentam que essas preocupações são absurdas e que implementaram várias medidas para proteger os dados dos seus utilizadores.

Em março, o Governo liderado por Joe Biden ameaçou a ByteDance da exclusão em todos os Estados Unidos, caso esta não venda as ações que possui na popular rede social.

O TikTok tem cerca de 100 milhões de utilizadores nos Estados Unidos e em pouco tempo tornou-se uma das redes sociais mais populares do mundo, principalmente entre os adolescentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui