A morte da televisão em 3D já é notável

394

De certeza que em Angola quando começou a chegar a televisão em 3D, houve uma aderência em massa. Mas se formos a constatar, hoje em dia ela já está a ficar praticamente ultrapassada, visto que muitos já engavetaram os seus óculos.

A explosão começou 2009 quando saiu o filme Avatar, é onde praticamente onde tudo começou. Depois de praticamente 8 anos o cenário descaiu na produção das televisões 3D, actualmente os principais fabricantes de televisão começaram a eliminar as TVs com essa tecnologia.

Segundo Tim Alessi (Director de desenvolvimento de novos produtos da LG), a tecnologia 3D nunca foi universalmente aceite na indústria para o uso doméstico. Deste modo Decidimos abandonar o suporte com essa tecnologia em 2017, a fim de concentrar nossos esforços em novas capacidades, como o HDR, que tem um apelo muito mais universal .

De acordo com a CNET, dois dos maiores fabricantes de TV, LG e Samsung, vão ser mais suaves no que concerne a produção de novas televisões em 3D. Segundo uma pesquisa efectuada recentemente, vê-se que, os usuários ao comprar as suas televisões, a tecnologia em questão não é uma das questões referenciais. Acredita-se ainda que, a queda da TV em 3D pode ser atribuída uma série de factores  tais como: A ascensão de 4K e UHD, a segunda tela assistindo em dispositivos móveis.