OpenBook a nova rede social que promete mais segurança de dados

1538

O escândalo que envolveu o Facebook e a Cambridge Analytica deu origem ao projecto de uma nova rede social: a OpenBook. A ideia do site é conectar as pessoas sem pôr em risco a segurança dos dados dos usuários.

O Openbook é um projeto fundado por Joel Hernandez, engenheiro de cibersegurança, e será lançado por meio de financiamento colectivo. O executivo inclusive já afirmou o interesse anterior em disputar o mercado com o Facebook, e promete um projecto “impressionante”, que não visa somente o lucro.

Joel Hernandez, fundador do website, afirma que 30% dos ganhos serão doados para a caridade e o site contará com um shopping virtual, de onde virá a receita da empresa. Por esse motivo, o OpenBook declara que anúncios não serão um problema e que o número de notificações será menor.

O projecto OpenBook Challenge surgiu quando o investidor Jason Calacanis recrutou sete equipas e ofereceu um prêmio para aquela que desenvolvesse uma rede social para substituir o Facebook. A ideia de Joel Hernandez foi escolhida e para viabilizá-la, foi iniciada nesta terça-feira ( 17/07), uma campanha no KickStarter que pretende arrecadar USD 117 mil.

Hernandez disse que seu direccionamento “é realmente sobre construir uma rede social que respeite a privacidade de seus usuários“. A plataforma também promete disponibilizar uma equipa de auditoria para garantir que os desenvolvedores cumpram suas promessas.

FONTETelegraph
COMPARTILHAR
Artigo anteriorCobertura ao vivo do TEDxLuanda 2018
Próximo artigoPresidente da AAPSI foi distinguido no Benin
Daniel Afonso Geto Estudante de Engenharia de redes e telecomunicações escreve sobre tecnologia precisamente por ser a sua área de formação, ser algo que ama fazer e para si é um previlegio fazer parte do maior site angolano de notícias ligadas à TIC.Partindo do princípio, parar é morrer, é também detentor das certificações: Administração de Redes, CCNA Routing, CCNA Switching e CCNA Security.