Saiba porque não deve fazer o teste ‘Qual celebridade você se parece’ no Facebook?

1876

De certeza absoluta que já notou que a onda já pegou em Angola. Nestes últimos dias temos constatado que muitos Angolanos tem efectuado o teste “Qual celebridade você se parece” no Facebook.

Infelizmente esse teste passa algumas informações que nós nem imaginamos. A ameaça foi detectada por especialistas de segurança da Kaspersky Lab. Ao efectuar o teste, ele solicita o acesso ao Facebook do usuário para publicar o resultado. O problema é que a empresa Vonvon, responsável pela aplicativo, consegue ter acesso também às informações do perfil, como nome, idade, local de trabalho, lista de amigos, endereço de e-mail, entre outras.

Infelizmente, a empresa Vonvon poderá usar esses dados para promover produtos via e-mail e para outros propósitos de marketing que não são identificados claramente no contrato aceito pelo usuário ao autorizar o acesso à rede social. Para piorar, os dados ainda podem ser transferidos para outras empresas ou indivíduos com o objectivo de “optimizar seus serviços e funcionamento do site”.

Por isso, temos que procurar ler atentamente os contratos e entender as implicações de cada um deles. Vale destacar ainda que é preciso manter o alerta ligado para variações desses testes que pedem o acesso à algumas informações dos usuários.

Segundo a pesquisa “Você é um especialista em cibernética?”, da Kaspersky Lab, 63% dos entrevistados dizem não ler o contrato de licença antes de instalar um novo aplicativo no dispositivo e uma em cada cinco pessoas ainda afirmou que apenas clica em “Próximo” e “Concordo” na hora de realizar alguma instalação.

E aqueles que já fizeram o teste?

Caso já tenha entrado na brincadeira, e já realizou esse teste em alguma ocasião, não há muito o que possa ser feito, já que a empresa já conseguiu colectar os seus dados anteriormente. O melhor a fazer por agora, é trocar suas senhas e ocultar dados que você não quer que sejam revelados para pessoas desconhecidas. Uma outra opção, é verificar frequentemente as configurações de aplicativos que estão interligados ao Facebook e eliminar os que não estás a utilizar frequentemente.

Já alguma vez fez esse teste?