Projeto Escola Virtual aumenta capacidade de assimilação dos alunos no Huambo

1495

A implementação do programa de Educação Digital, através do projeto “Escola Virtual – Eunice de Carvalho”, no complexo escolar “Augusto Ngangula”, no município da Caála, província do Huambo, aumentou a capacidade de assimilação dos 270 alunos abrangidos pelo projeto inovador.

Essa garantia foi dada director pedagógico da instituição do ensino primário e do I ciclo, Manuel da Silva Chiuca, ressaltando o grande o impacto do projeto implementado em novembro último, principalmente na elevação da taxa de assiduidade às aulas e do nível de assimilação dos alunos.

A iniciativa, está a permitir os 270 alunos dos 2 050 matriculados no complexo escolar Augusto Ngangula”, a combinar as práticas tradicionais de ensino com a digitalização do processo educacional.

Para efeito, foram equipadas, com meio tecnológicos modernos, seis salas de aula que agrupam a 4ª, 5ª, 6ª, 7ª, 8ª e 9ª classes, com um total de 14 professores, inseridos na primeira fase da execução deste programa inovador.

MAIS: UNITEL e Ministério da Educação assinam acordo para promover a inclusão digital no sistema de ensino

O Diretor sublinha ainda que que com a implementação do programa de educação digital os alunos passaram a formar, do ponto de vista académico, conceitos e definições dos conteúdos mais consistentes.

Explicou que os alunos visualizam, no momento da projeção das aulas, as matérias planificadas e os respectivos ícones numa dimensão virtual como se fosse real, ou seja, são figuras com maior precisão didáctica.

O responsável disse que a incorporação da Educação Digital permite com que os alunos tenham acesso aos conteúdos e programas curriculares sem atraso e com a possibilidade de tornarem autodidactas.

De informar que o projeto “Escola Virtual – Eunice de Carvalho” foi criado pela  UNITEL e o Ministério da Educação (MED), onde vem para melhorar a qualidade de aprendizagem e promoção da inclusão digital no sistema de ensino. O referido projecto é o resultado de vários memorandos assinados entre as duas partes, e que visa a melhoria da qualidade de ensino nacional, bem como aprendizagem e promoção da inclusão digital no sistema de ensino.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui