SME irá digitalizar o sistema de emissão de passaportes e vistos no Huambo

1031

No final do ano passado, surgiu a informação de que Angola terá passaporte electrónico em 2018. Essa informação foi avançada durante a cerimónia de cumprimentos de fim de ano, pelo actual ministro do interior, até agora mas nenhuma informação surge acerca do assunto.

Independentemente da espera, os Serviços de Migração e Estrangeiros (SME) tem continuado a trabalhar, a prova disso é que, o sistema de emissão de passaportes, para cidadãos nacionais, e vistos, para estrangeiros, vai ser totalmente digitalizado, a partir do próximo mês na província do Huambo.

A informação foi avançada por Gil Famoso director-geral dos Serviços de Migração e Estrangeiro, a propósito da inauguração, sexta-feira, do sistema local de emissão de passaportes e vistos, disse que a intenção é prestar um serviços mais célere e de qualidade, tendo em conta a crescente abertura de Angola ao mundo, através de acordos de supressão de vistos de entrada.

O mesmo lembrou ainda que, a digitalização vai dar solução aos muitos problemas que os nacionais e estrangeiros enfrentam, por força de alguns procedimentos que tornam morosa a emissão de passaportes e vistos. Todavia, afirmou terem sido encontradas as melhores soluções, anunciando que, doravante, os Serviços de Emigração e Estrangeiros passarão a prestar um melhor serviço aos utentes, destacando a celeridade no tratamento dos processos.