Um em cada quatro usuários tem o Firefox desactualizado

0
2006

Mozilla FirefoxA Organização Mozilla decidiu seguir os ciclos meio loucos de lançamento de browsers como o Google Chrome. Não é segredo pra ninguém que essa estratégia não agradou muitos usuários.

O grande motivo está na compatibilidade das extensões. Imaginem vocês que instalam uma extensão para aceder ao www.menosfios.com , compatível com a versão 16 do Firefox. Tudo funciona na perfeicão, até que um mês depois a Mozilla alerta, há uma nova actualizacão. E agora, actualizar ou não actualizar

Segundo um relatório divulgado pela Kaspersky Lab, aproximadamente um em cada quatro usuários de PCs executam versões obsoletas ou desactualizadas do Firefox.

Foram analisados os navegadores instalados em uma amostra aleatória de 10 milhões de usuários que constam da base de dados da Kaspersky Lab e alguma curiosidades podem ser destacadas:

  • Em primeiro lugar aparece o  Internet Explorer é o navegador padrão mais comum, sendo utilizado por 37,8% dos usuários.
  • Em segundo lugar temos o navegador da Google Chrome com 36,5%
  • Em terceiro lugar, vem o tão falado Firefox (19,5%)
  • Em quarto lugar vem o Opera (6%)
  • Em último lugar vem o Safari, da Apple – tudo isso devido ao número ínfimo de usuários que usa antivírus em Macs.

Alguns usuários podem questionar-se sobre as consequências desse acto (de não actualizar o navegador):

O director de whitelisting e infraestrutura de pesquisa em nuvem da Kaspersky Lab, Andrey Efremov, responde:

“Isso significa milhões de máquinas potencialmente vulneráveis, constantemente atacadas por novas e conhecidas ameaças web. Isso representa uma forte evidência da necessidade urgente do uso de softwares de segurança adequados, capazes de reagir a novas ameaças em questão de minutos, não dias ou semanas”

A segurança dos navegadores não é a ideal ainda, mas empresas como a Microsoft, Mozilla, Opera e a Google, têm trabalhado imenso para disponibilizar correções de segurança. Mas parece que corrigir não é o suficiente.

Há uma frase muito conhecida na área de segurança : “A maior vulnerabilidade está entre o monitor e a cadeira…

E você, actualizou o seu navegador? Está seguro?

[Via]:  Techworld

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here